torredemoncorvoinblog@gmail.com

domingo, 1 de junho de 2008

Vigiando o vale

No Dia da Criança, tentei tirar os meus dois rebentos da frente dos ecrãs que os (nos) escravizam. O passeio foi longo, mas um dos momentos mais entusiasmantes foi quando fizemos uma incursão, monte a dentro, junto a Cabeça de Mouro. A paisagem que se avistava era magnifica e não resisti a tentar captar toda a imensidão numa só fotografia. A tarefa foi árdua, eis o resultado.

3 comentários:

vasdoal disse...

Excelente panorâmica. Acredito que tenha sido uma tarefa árdua tirar essa foto e tirar os miúdos do ecrã, mas de certeza que compensou o esforço. Parabéns.

n. disse...

Extraordinária!!! A imensidão foi aí, realmente, captada! Desde a megalítica fragada da Cabeça Boa/Cabeça Boa, com as suas crásticas aldeias vigiando o Grande Vale... ao longe, da outra banda, lôbregos e sombrios montes onde só os olhos sabedores conhecem ser a depressão do Sabor, e reconhecem o pico de ferro da Mua e a vasta montanha do Roborêdo, gigante adormecido que afaga no seu regaço a vila branca da Torre... Sombreando o quadro, pinceladas de sombra projectadas pelas manchas etéreas, brancas e cinza, pairando no azul dos céus.
- Que os jovens "rebentos" saibam apreciar esta oferta do pai, que hoje com eles assinou o quadro, fazendo-os personagens desta dupla obra-prima: do Divino Artista, e do Olho Mágico que tão bem a captou. Seguramente nunhum televisor lhes mostraria um écran tão grande e a três dimensões!
As minhas felicitações.

n. disse...

Errata: no comentário anterior queria dizer: "Cabeça Boa/Cabeça de Mouro" - estranhos topónimos que remetem para lendas em que um cristão terá cortado a cabeça a um mouro, depois de uma aposta sobre quem faria uma igreja e uma mesquita mais perfeita... A igreja parece que era a de Ansiães; a "mesquita" era no Baldoeiro, onde, na realidade, existiu uma outra igreja, também românica, a qual foi escavada por investigadores do PARM (Projecto Arqueológico da Região de Moncorvo), nos anos 80 do séc. XX. PARA SABER MAIS: visitar o Museu do Ferro & da Região de Moncorvo.

eXTReMe Tracker