torredemoncorvoinblog@gmail.com

quarta-feira, 4 de março de 2009

Peredo dos Castelhanos, 28 de Fevereiro de 2009

A minha escola era bonita.
Foi nela que descobri as palavras
Os números, os jogos, as cores,
Amigos, amigas ... amores.
Nela não havia tempo,
Porque o tempo era infinito.
Nela não havia espaço
Porque era todo o espaço
Necessário para ser feliz.
Havia flores todo o ano!
No Inverno, de amendoeira,
Mas também de lírios, lilases,
E mil pétalas de roseiras.
Hoje a minha escola está bonita
Brilha de tão caiada
Mas o silêncio é grande...
Ninguém fala, ninguém corre,
Falta-lhe a garotada.
Fecho os olhos...
Lá estão eles, muitas faces a sorrir!
Há muita vida na escola,
Sempre que eu quiser cá vir.
A minha escola é a mais bonita do mundo.

Carlos Santos

2 comentários:

Anónimo disse...

só uma pergunta (sem intenções de polémicas): por acaso é a mesma escola do "post" do Rogério que ficou lá ao fundo?? (a da sala de aulas, a P/B?)
Para já, está muito bem conservadinha, o que é de louvar? (espero que esteja a ser utilizada numa função qualquer, pois este santuário de recordações é menos doloroso se estiver sem ser de vidros e telhas partidas, como às vezes acontece...). Parabéns ao povo e às entidades do Peredo por assim saberem conservar o seu património (que já o é).
N

Anónimo disse...

Post Scriptum: o ponto de interrogação que me saíu na 4ª linha, foi obviamente um lapso. Com as devidas desculpas, pois esta conservação não suscita qualquer tipo de interrogações.
N.

eXTReMe Tracker